< back to all O essencial da ciência da cor

Quão transparente é a sua cadeia de abastecimento têxtil?

Em toda a cadeia de fornecimento de têxteis e vestuário, desde o conceito até às prateleiras de retalho, não é segredo que os prazos estão a diminuir e que os passos em falso são dispendiosos. A pressão está a ser exercida para que as marcas e moinhos se adaptem à globalização, racionalizem as suas operações, e forneçam qualidade – mais rápido do que nunca. As decisões de cor continuam a ser um engarrafamento que pode levar a uma paragem da produção de moagem.

Mesmo que as marcas adiram a um processo de avaliação de cor estritamente digitalizado, têm de se confrontar com diferentes abordagens à gestão da cor ao longo da cadeia de fornecimento. Como ligar os pontos e colmatar essa lacuna, assegurando que as decisões de cor são inequivocamente correctas em todos os pontos ao longo da cadeia de produção? A transparência é a resposta.

Um retrato da cadeia de abastecimento têxtil de hoje

Num mundo ideal, cada decisão de cor ao longo da cadeia de fornecimento voltaria ao conceito original de design – através de total transparência – e entregaria as especificações de cor precisas da marca aos retalhistas. Mas muitas marcas e moinhos ainda ficam aquém deste ideal. Uma miríade de factores pode ter impacto na gestão da cor, erguendo bloqueios de estrada significativos que ameaçam o tempo e a qualidade.

A imensa pressão de tempo – enraizada em ciclos de produção condensada destinados a satisfazer a procura dos consumidores por tendências rápidas – conduz inevitavelmente a decisões menos precisas. Os erros devem então ser corrigidos mais abaixo no caminho de produção, o que, naturalmente, leva a uma maior pressão de tempo. A comunicação complexa agrava o problema, uma vez que as marcas e os moinhos seguem as decisões através de folhas de cálculo, chamadas telefónicas e e-mails, assegurando virtualmente que detalhes importantes cairão por entre as fendas.

excerto do artigo - quão transparente é a sua cadeia de abastecimento global?

Os fornecedores mal têm tempo para uma ronda de mergulhos de laboratório. Entretanto, as marcas aguardam semanas para que cheguem do estrangeiro ou passam um tempo valioso a atravessar continentes para realizar aprovações no local.

Ken Butts, um veterano perito da indústria têxtil e Gestor de Conta Principal Global que supervisiona as relações da Datacolor com retalhistas nos EUA, Europa, China e Hong Kong, vê estes desafios em primeira mão. Para evitar estes bloqueios, ele enfatiza a necessidade de funções específicas, quer seja cor, tecido, desenho ou ajuste, a serem geridas no ponto de fabrico. Isto nem sempre acontece – em detrimento de orçamentos e calendários de produção – mas pode acontecer.

“Sabemos que a qualidade da cor pode ser avaliada utilizando tolerâncias numéricas em vez de uma avaliação visual subjectiva”, diz Ken. “Ao capacitar os fornecedores com as ferramentas para tomarem decisões de cor objectivas e orientadas por dados em tempo real, podemos proporcionar poupanças de custos, poupança de tempo e actualizações de qualidade em toda a cadeia de fornecimento”.

Um esforço coordenado a uma escala global

A produção de vestuário não acontece num único escritório, país, ou mesmo continente. Desde escritórios regionais de cor de marca a vendedores e fábricas em todo o mundo, é fundamental que todos os intervenientes falem a mesma língua em torno da cor. Ter uma frota consistente de instrumentos e software(bem conservada) ao longo da cadeia de abastecimento significa que a geografia já não é um bloqueio para uma produção precisa e atempada.

excerto do artigo - quão transparente é a sua cadeia de abastecimento global?

Mas a solução completa está para além dos instrumentos e do software. Os Serviços de Avaliação Datacolor, um processo de avaliação e certificação de fornecedores para fluxos de trabalho de desenvolvimento de cor visual e digital, racionalizam os esforços globais de cor.

Avaliação do moinho nas mãos de peritos

Sabemos que a avaliação visual das cores persiste; sabemos também que esta metodologia é altamente subjectiva e pode causar estragos num ciclo de produção. Através do destacamento de peritos regionais em cor para auditar as fábricas – quer o fornecedor gere a cor visualmente ou digitalmente – osServiços de Avaliação de Cor podem avaliar e verificar condições ambientais como temperatura e humidade, desempenho de instrumentos e configuração de software, e perícia dos operadores, procedimentos operacionais, fluxo de trabalho de instrumentos e visão.

Quando as marcas se auto-gerirem a um programa de auditoria, devem enviar uma equipa para o estrangeiro várias vezes por ano – uma tarefa dispendiosa e demorada. Da mesma forma, os moinhos perdem tempo e dinheiro valiosos, passando por múltiplas auditorias de diferentes marcas. Com uma presença estabelecida em mais de 100 países e mais de 40 anos no espaço de gestão de cores, a Datacolor pode rapidamente avaliar e certificar moinhos. A acreditação é reconhecida por múltiplas marcas, o que significa que a poupança de custos e tempo reverbera em toda a cadeia de abastecimento. E as marcas podem respirar um suspiro colectivo de alívio, sabendo que os fornecedores estão a tomar boas decisões que cumprem a visão criativa da equipa de design.

excerto do artigo - How Transparent is Your Global Supply Chain

Trazer a Confiança da Cor ao Alcance

A gestão do ciclo de vida da cor requer comunicação simplificada, ferramentas objectivas de avaliação de cor, e moinhos acreditados com capacidade e autonomia para obter cor na fase mais crítica da produção: o fabrico. As marcas e fornecedores podem alcançar a confiança das cores através de uma mistura coordenada de análise de cor digital orientada por dados e auditoria profissional do ambiente, equipamento e operadores do fornecedor.

excerto do artigo - Quão transparente é a sua cadeia de fornecimento global?

Um sistema digital ágil, aliado a uma acreditação de fábrica normalizada, significa que as marcas podem optimizar o seu fluxo de trabalho e tomar decisões mais próximas da fonte de produção. Subsequentemente, os moinhos podem operar de forma mais eficiente – e comercializar os seus serviços de forma mais eficaz – para, em última análise, fornecer sempre a cor spot-on.

Dê vida às ideias com a gestão da cor

Quando os dados se encontram com a cor, a inspiração encontra os resultados.

This site is registered on wpml.org as a development site.